Secretários de Finanças do Estado de SP fundam associação

Reunidos em assembleia no último dia 24 de julho, durante o 8.o Seminário de Gestão Pública Fazendária – SGESP, em Ribeirão Preto, os secretários municipais de finanças do Estado de SP fundaram a ASSEFIN-SP, representando suas secretarias ou departamentos.

A entidade nasce para substituir um fórum que funcionava desde 2012 e tem como objetivo o intercâmbio de informações intersecretarias, discussão em atividades tributárias em todos os níveis de governo e a realização de encontros e treinamentos para os servidores ligados às suas pastas.

Para conduzir a ASSEFIN-SP até março de 2021, foi eleito como presidente da diretoria executiva o secretário da Fazenda da Prefeitura de Ribeirão Preto, Manoel de Jesus Gonçalves, e do conselho fiscal Everson Demarchi da secretaria de Bauru.

A associação já conta com representantes em todas as regiões metropolitanas, aglomerações urbanas e administrativas do estado, estando em nomeações os secretários que representarão a entidade nas regiões de governo.

Ao tomar posse Manoel Gonçalves disse que a entidade procurará se organizar administrativamente ao longo deste semestre, “mas não vamos poder demorar muito – disse ele, uma vez que fundamos a ASSEFIN-SP em plena reforma tributária, temos que estar atentos às mudanças que envolvem os municípios”.

A entidade já nasceu com a adesão de 38 municípios do Estado de São Paulo, representando 8,6 milhões de habitantes, mas tem formalizada a intenção de mais outras 60 cidades, o que deve ocorrer nas próximas horas.

Seminário de Gestão Pública – A ASSEFIN-SP e a Secretaria da Fazenda de Ribeirão Preto, além da assembleia de fundação, realizaram na Universidade Estácio nos dias 24 e 25 de julho o 8.o SGESP – Seminário de Gestão Pública Fazendária, evento que vem se firmando como um dos maiores do gênero no país.

No evento, que é gratuito, foram contabilizados nos dois dias 869 inscritos únicos de 202 cidades do país, a maioria de SP, entre esses 102 contadores, 23 prefeitos e 142 secretários municipais ou diretores de autarquias, sendo 87 secretários de finanças.

O SGESP teve como principal atividade a discussão sobre a reforma tributária, mas trouxe também inovações e os passos da implantação dos controles e das novas regras da contabilidade pública e das prestações de contas obrigatórias, inclusive com as exigências dos órgãos fiscalizadores, como a Secretaria do Tesouro Nacional e Tribunal de Contas do Estado de SP (AUDESP).

Sendo também dedicado espaço para estudos e avanços nos tributos municipais, caso do difícil sistema de valoração dos imóveis no IPTU e a disposição de um sistema de nota fiscal de serviço eletrônica em desenvolvimento pela Receita Federal, além de outros sistemas de controles e de gestão pública, como previdência municipal, consórcio de municípios, entre outros temas públicos ligados às finanças dos municípios.

Serviço – Fundação da ASSEFIN-SP -Balanço realização SGESP
Dia 24 de julho
Local: Teatro Estácio – Ribeirão Preto/SP
Contato – FSN – secretaria-executiva (16) 99991-4000

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *