Muitas pessoas que já estavam desempregadas ou que perderam o emprego por causa da pandemia do Covid-19 precisam buscar uma nova oportunidade de trabalho em meio à quarentena, e antes de a crise passar. De acordo com o UOL, em matéria para a sessão Empregos e Carreira, apesar de a economia ter desacelerado, algumas empresas continuam contratando.

Além das oportunidades de emprego em período integral, segundo o site de recrutamento Glassdoor, há empresas contratando para preencher cargos baseados em projetos e contratos temporários. A Glassdoor listou algumas dicas para organizar a busca de trabalho em tempos incertos:

  • Faça um cronograma para sua busca de emprego

Se precisa encontrar um novo emprego imediatamente, encare essa busca como um trabalho de tempo integral. Estabeleça um período determinado para trabalhar nessa busca diariamente, com horário para começar e para terminar, para que possa se dedicar a outras atividades no restante do dia.

Procure trabalhar de forma organizada. Defina um cronograma detalhado para as suas ações e acompanhe seu progresso, avaliando o que tem dado certo e o que precisa ser melhorado. Assim, você conseguirá estabelecer expectativas realistas.

  • Use as redes sociais para fortalecer suas conexões

Este período de isolamento social é uma boa oportunidade para fazer novas conexões e reviver as antigas. Entre em contato com amigos, mentores e ex-colegas de trabalho para ver se eles conhecem alguém que esteja contratando ou empresas com vagas abertas.

Procure pessoas e profissionais que você admira para iniciar conversas e participe de eventos e bate-papos online sobre temas que envolvam carreira e trabalho. Entre em grupos de Facebook e WhatsApp para expandir sua rede e descobrir possíveis vagas. Caso ainda não possua, crie urgentemente um perfil no LinkedIn.

  • Identifique e se inscreva para vagas de setores em crescimento

Agora é a hora de identificar e candidatar-se para vagas em empresas que se adaptaram bem aos tempos de incerteza e que estão melhor posicionadas nessa nova realidade. A maior parte das empresas de tecnologia, por exemplo, está equipada para fazer a transição de suas funções presenciais para alternativas remotas e, assim, manter as coisas funcionando. Além disso, empresas de saúde, varejo e logística também estão contratando, pois a demanda por recursos continua crescendo devido à Covid-19.

  • Renove seu currículo

Aproveite o tempo para reformular seu currículo, destacando suas realizações, formação, paixões e habilidades profissionais. Dedique-se a desenvolver sua marca pessoal e uma boa narrativa de sua história, para dar às empresas e recrutadores uma ideia da sua missão. Isso irá diferenciar você dos outros candidatos. Além disso, ao se candidatar às vagas, leia a descrição do trabalho cuidadosamente para mostrar as habilidades específicas que correspondem à descrição do trabalho.

  • Faça cursos on-line

Use seu tempo livre para fazer cursos online que lhe permitam expandir suas qualificações e aprender novas habilidades. Ter algumas certificações em seu currículo será útil ao se candidatar a novas funções. Várias empresas de aprendizado online estão oferecendo treinamentos e cursos profissionais de graça.

  • Seja flexível e considere oportunidades temporárias

Que tal considerar trabalhos com contratos temporários ou como freelancer neste período? Se for a primeira vez que você entra no ramo de freelancers, faça um balanço de suas principais habilidades transferíveis e, em seguida, procure oportunidades para aproveitá-las de uma forma diferente. Pense em uma paixão ou em uma possível carreira paralela que você ainda não explorou. Como você pode transformar essa atividade em um emprego de meio período ou em uma oportunidade freelancer? Seja flexível o suficiente para mudar seu curso conforme necessário.

Fonte: https://economia.uol.com.br/empregos-e-carreiras/noticias/redacao/2020/05/04/coronavirus-buscando-emprego-trabalho-vagas-dicas-glassdoor.htm

Murilo Carneiro, consultor e professor universitário, mestre em Administração pela FEA-RP/USP, e-mail:muca.ml@uol.com.br